| On 1 ano atrás

Marina Ruy Barbosa completa 23 anos; relembre os principais trabalhos da atriz

Por redação

A atriz Marina Ruy Barbosa completa 23 anos muito bem vividos, neste sábado (30). A ruiva, que cresceu em frente aos nossos olhos na TV, vive um ano de muito trabalho e realizações. No ar como a protagonista Amália, na novela medieval “Deus Salve o Rei”, que deve chegar ao fim em julho, a jovem atriz não terá férias. Ela já emendará expediente com as gravações da próxima novela das 21h, “O Sétimo Guardião”, com estreia prevista para novembro.

Amália é a heroína da atual trama das sete. Imagem: Famosidades

Na próxima história do horário nobre, Marina também viverá a principal mocinha do enredo, formando par romântico com Bruno Gagliasso. Sua escolha para o papel foi decisão do autor Aguinaldo Silva, que não abriu mão da sua pupila. No ar também em seu primeiro papel de maior relevância, ainda criança, na novela “Belíssima”, a ruivinha vive agora o auge do sucesso. Casou-se, no final do ano passado, com toda pompa e circunstância com o piloto Xandinho Negrão, é um dos nomes mais fortes no mercado publicitário e uma das artistas mais badaladas nas redes sociais. Somente no Instagram, a canceriana é seguida por mais de 25 milhões de fãs.

Publicidade

Relembre a seguir alguns dos principais trabalhos dessa jovem e notável estrela global.

1 – Belíssima (2005)

Ainda criança, Marina gravou cenas na Grécia para novela das nove. Imagem: Purepeople

Essa não foi a estreia de Marina Ruy Barbosa, que já havia feito uma participação em “Começar de Novo” (2004), mas foi certamente seu primeiro papel de destaque. Em horário nobre, a então garotinha de 10 anos contracenava com grandes nomes, como Fernanda Montenegro, Tony Ramos, Cláudia Abreu e Glória Pires. Uma verdadeira escola de interpretação. Na trama de Sílvio de Abreu, a ruivinha era Sabina, menina esperta, alvo da disputa de sua mãe com a megera Bia Falcão, papel de Fernanda. Por sua atuação, foi agraciada com o Prêmio Contigo Brasil de Melhor Atriz Mirim.

2 – Escrito nas Estrelas (2010)

Marina usou dreads para viver personagem rebelde. Imagem: Purebreak

Marina participou desse marcante sucesso de Elizabeth Jhin encarnando Vanessa, uma adolescente rebelde que vivia problemas de relacionamento com a mãe, a médica Jane (Gisele Fróes). Nessa novela, ela usou dreadlocks em suas lindas madeixas ruivas, e também deu seu primeiro beijo da ficção: foi com o ator Bruno Pereira, com quem já havia contracenado em “Começar de Novo”. Foi premiada pelo Prêmio Arte Qualidade Brasil na categoria Melhor Atriz Infanto-Juvenil.

3 – Morde & Assopra (2011)

Marina e Klebber fizeram casal de grande sucesso. Imagem: GShow

Em seu primeiro papel mais adulto, Marina deu vida à patricinha Alice, uma jovem arrogante e mimada que desprezava as pessoas mais pobres, mas se tornava vítima do golpe do baú do mau-caráter Guilherme (Klebber Toledo), que se aproximava da rica garota mentindo ser um médico de família nobre. Os dois atores se apaixonaram nos bastidores da novela e engataram um namoro na vida real. A trama de Walcyr Carrasco proporcionou à ruiva diversas cenas dramáticas e o prêmio de Melhor Atriz Coadjuvante pelo Prêmio Contigo de TV.

4 – Amor à Vida (2013)

Sua personagem em Amor à Vida morreu em meio a polêmica nos bastidores. Imagem: Veja

Em seu regresso ao horário nobre em uma novela de Walcyr Carrasco, Marina interpretou Nicole, jovem milionária romântica que descobre ter uma doença terminal e acaba se apaixonando pelo aproveitador Thales (Ricardo Tozzi). A trama de sua personagem foi envolta de muita polêmica, já que a atriz teria se comprometido a raspar os cabelos pela personagem, que fazia quimioterapia, mas desistiu de última hora, o que teria motivado o autor da novela a matá-la.

5 – Império (2014)

Maria Isis foi o primeiro papel sexy da carreira da atriz. Imagem: Observatório da Televisão

A trama de Aguinaldo Silva mostrou um lado mais sensual e provocativo de Marina, na pele da ninfeta Maria Isis, jovem amante do protagonista, o empresário José Alfredo (Alexandre Nero). Os dois tinham muitas cenas quentes de sexo e Marina antagonizava com a esposa do Comendador, Maria Marta, papel de Lília Cabral – de quem voltará a ser inimiga em “O Sétimo Guardião”.

6 – Totalmente Demais (2015)

Eliza foi a primeira protagonista de Marina Ruy Barbosa. Imagem: Famosos na Web

Foi na novela de Rosane Svartman e Paulo Halm que Marina Ruy Barbosa ganhou sua primeira protagonista: a batalhadora Eliza, jovem que sofre com o assédio do padrasto, Dino (Paulo Rocha), e vê sua vida mudar ao se tornar modelo. Dividida entre o “príncipe” Arthur (Fábio Assunção) e o “sapo” Jonatas (Felipe Simas), Eliza viveu uma versão moderna da Cinderela que foi até mesmo indicada ao Emmy Internacional de Melhor Telenovela. A ruiva ganhou o Troféu Imprensa de Melhor Atriz por seu desempenho.

Publicidade

7 – “Justiça” (2016)

Marina e Jesuíta protagonizaram cenas fortes em minissérie. Imagem: Extra Online

A minissérie de Manuela Dias ousou com uma trama forte e cheia de cenas dramáticas. Marina fez uma marcante ponta no primeiro capítulo da trama, vivendo Isabela, jovem que é morta a tiros pelo namorado Vicente (Jesuíta Barbosa), quando este a flagra transando com outro homem.