| 2 meses atrás

Saiba quais são as novelas da próxima trinca do Viva

O Viva vai comemorar 10 anos de existência em 2020, colecionando reapresentações de diversas novelas, séries, minisséries e outras atrações inesquecíveis para os espectadores globais nostálgicos. Para celebrar em grande estilo uma década no ar, o canal pago já está reservando uma nova trinca de novelas clássicas para entrar no ar no primeiro semestre do próximo ano.

[do_widget id = mvp_ad_widget-5]

Na principal faixa do horário, a das 23h (reprise às 13h30), já é dada como oficial a volta de “O Clone” (2001), de Glória Perez, a estrear ainda em dezembro próximo. Em agosto de 2020, a história de Jade (Giovanna Antonelli) e Lucas (Murilo Benício) dará lugar aos dramas de “Mulheres Apaixonadas” (2003), mais uma deliciosa crônica de situações do mestre Manoel Carlos.

A faixa das 14h30 (com reprise às 0h) deve se consolidar mesmo como o horário que o Viva dedica a títulos mais antigos: o atual cartaz, “Selva de Pedra” (1986), deve ser sucedido pela primeira versão de “Ti Ti Ti” (1985), clássico de Cassiano Gabus Mendes, em fevereiro. A informação é da colunista Patrícia Kogut, do jornal O Globo.

E no horário das 15h30 (com reapresentação 1h30) será reexibida a divertida comédia romântica “Chocolate com Pimenta” (2003), de Walcyr Carrasco. A trama, que chegou a ser especulada para substituir “Porto dos Milagres” (2001) em outubro deste ano, foi trocada pelo remake de “Cabocla” (2004), cujas chamadas já estão no ar. A saga da vingativa Ana Francisca (Mariana Ximenes), se nada mudar, reestreia em abril.

As primeiras reprises do Viva, ainda em 2010, foram as de “Quatro por Quatro” (1994), “Vale Tudo” (1988) e “Por Amor” (1997), atualmente em cartaz no “Vale a Pena Ver de Novo”. Desde então, muitas novelas, mais ou menos lembradas, de vários horários e atravessando as décadas de 1970 até 2000, já deram as caras no canal da Globosat. Séries, humorísticos, programas de auditório, minisséries e especiais como o “Vilãs Que Amamos” também escreveram a história do Viva, que é um dos campeões de audiência na TV a cabo.