| 2 meses atrás

Saiba quais são as próximas novelas da Globo

A Globo vai reestruturar sua grade vespertina nos próximos dias, a começar pala estreia de um novo programa de variedades, o “Se Joga”. Ao mesmo tempo, duas novas novelas pintarão no line-up da emissora.

Já devidamente confirmada, “Avenida Brasil” é a próxima reprise do “Vale a Pena Ver de Novo”, substituindo “Por Amor” nos primeiros dias de outubro. Na faixa das 18h, também nos despediremos de “Órfãos da Terra” para começar a acompanhar os dramas de “Éramos Seis”, em sua quinta adaptação para a TV. A última foi em 1994, no SBT.

[do_widget id = mvp_ad_widget-5]

E ainda, em 25 de novembro, o público terá uma nova novela das 21h no ar: “Amor de Mãe” deve ser a substituta de “A Dona do Pedaço”. De olho nisso, saiba como está a fila de cada horário da Globo e o que sabemos até o momento sobre as produções vindouras.

Horário das 18h

A faixa que mais presenteou o público com produções delicadas e de indiscutível bom gosto nos últimos anos, ao que tudo indica, manterá o padrão de qualidade lá em cima. Dia 30, estreia “Éramos Seis”, nova releitura do livro de Maria José Dupré, e que terá Angela Chaves como autora.

‘Éramos Seis’ é a próxima novela das 18h. Foto: Divulgação/Globo

Glória Pires interpretará a protagonista dona Lola, anteriormente vivida por Irene Ravache e Nicette Bruno. A novela, que atravessa algumas décadas do início do século passado, conta a trajetória da família de Lola, que junto ao marido Júlio (Antônio Calloni) e aos quatro filhos, passa por muitos sofrimentos e mudanças. O final da história, já adianto, é melancólico, o que, aliado ao talento de Glória Pires, deverá dar ainda mais poesia ao horário das 18h. Essa será a segunda novela de Angela Chaves, que escreveu “Os Dias Eram Assim” em 2017, na faixa das 23h, em parceria com Alessandra Poggi.

Em março de 2020, deve estrear “Nos Tempos do Imperador”, mais uma deslumbrante superprodução de época, que narrará, de maneira folhetinesca e imersa à licença poética, a história do Brasil Império, sob o comando de Dom Pedro II. O protagonista será vivido por Selton Mello, afastado das novelas há 20 anos.

Germana (Viviane Pasmanter) e Licurgo (Guilherme Piva).vão voltar em ‘Nos Tempos do Imperador’. Foto: Divulgação/Globo

A novela, assinada por Thereza Falcão e Alessandro Marson, será uma espécie de continuação de “Novo Mundo”, dos mesmos autores, e que contou a história de Dom Pedro I. Ainda no elenco, Mariana Ximenes como a amante do monarca, Condessa de Barral, e Letícia Sabatella como a esposa Tereza Cristina. A novidade fica por conta da participação de Vivianne Pasmanter e Guilherme Piva vivendo os mesmos personagens de “Novo Mundo”: os vigaristas e asquerosos Germana e Licurgo, que caíram nas graças do público.

No segundo semestre de 2020, o horário será ocupado por “Feira de Vaidades”, de Gilberto Braga. Pouco se sabe sobre a produção, que deverá ter cerca de 100 capítulos e iniciará um novo padrão de tramas mais curtas na faixa, mas espera-se uma belíssima história de época estrelada por uma anti-heroína. Braga está afastado do horário das 18h desde 1999.

Horário das 19h

“Bom Sucesso” está indo de vento em popa, e só deverá chegar ao fim em janeiro, quando dará lugar a “Salve-Se Quem Puder”. A comédia de costumes será a primeira original assinada por Daniel Ortiz, autor de “Alto Astral” e “Haja Coração”.

As quatro estrelas de ‘Salve-Se Quem Puder’ já começaram as gravações da trama. Foto: Instagram

A novela vai mesclar os encontros e desencontros de diversos casais, e contará com um número incomum de protagonistas: Deborah Secco será Alexia, uma atriz de musicais; Juliana Paiva será Luna, filha de Helena (Flávia Alessandra). Enquanto a jovem disputará Felipe Simas com Aline Dias, sua mãe será par de Leopoldo Pacheco. Terá destaque também o triângulo amoroso formado por Kyra (Vitória Strada), Nuno (Thiago Fragoso) e Rafael (Bruno Ferrari).

Para o segundo semestre de 2020, as coisas ainda estão incertas. O autor Mauro Wilson teve a sinopse de “A Morte Pode Esperar” aprovada. Comédia romântica, será ambientada no Rio com dois homens e duas mulheres como protagonistas. Mas o primeiro bloco de capítulos precisa do aval do chefão de dramaturgia da Globo, Sílvio de Abreu, para que ela seja confirmada como sucessora de “Salve-Se Quem Puder”.

Faixa das 21h

“Amor de Mãe” marcará a estreia da autora Manuela Dias no horário nobre e sucederá “A Dona do Pedaço” a partir de 25 de novembro. A história será estrelada por Lourdes (Regina Casé), Thelma (Adriana Esteves) e Vitória (Taís Araújo). A primeira é uma mulher simples, que vê seu filho ser vendido ainda bebê pelo próprio marido. A segunda será a mãe de criação do filho de Lourdes e dona de um restaurante. A terceira será uma advogada inescrupulosa, suspeita pela morte do marido.

‘Amor de Mãe’ será primeira novela gravada no MG4, novo complexo de estúdios da Globo. Foto: Instagram

Em maio do ano que vem, outra estreia marcará a faixa das 21h: Lícia Manzo, considerada a sucessora natural de Manoel Carlos por suas tramas sensíveis e com foco em relações humanas e familiares (como “A Vida da Gente” e “Sete Vidas”) assinará “Em Seu Lugar”, protagonizada por Andreia Horta e Cauã Reymond.

Na sequência, está confirmado João Emanuel Carneiro, e depois dele, Glória Perez, Aguinaldo Silva e Maria Helena Nascimento, em sequência não definida.

[do_widget id = mvp_ad_widget-5]

Faixa das 23h

Em 2019, a Globo optou por não levar nenhum título no seu horário mais tardio, o das superséries (ou novelas das 23h). No ano que vem, as produções voltam ao normal com “O Selvagem da Ópera”, superprodução de Maria Adelaide Amaral, que contará a história do maestro brasileiro Carlos Gomes (Renan Monteiro). No elenco, Tony Ramos, Isabelle Drummond e Bianca Bin.

Renan Monteiro será o protagonista de ‘O Selvagem da Ópera’. Foto: instagram

A emissora também já dá como certa a produção de uma segunda temporada de “Verdades Secretas”, a mais bem-sucedida produção do horário nesta década, com assinatura de Walcyr Carrasco. A novela de 2015, vencedora do Emmy de melhor produção, continuará narrando a história de Angel (Camila Queiroz).